domingo, setembro 17, 2006

ISSO É NORMAL?



O que é modernidade hoje? Liberdade de expressão ou libertinagem? O uso constante de linguagem do tipo: “Ë assim mesmo!”, “isso é normal”, “estamos no século XXI”, transforma o ambiente familiar e social em um espetáculo de atos ilícitos e obscenos. Violência e defesa são debates de assuntos chamados controversos.

O que quero enfatizar é como a mídia está maquiando a visão de pessoas com mentes vazias, é um tal de “nada haver!” É tão normal adolescentes contraírem o vírus HIV, fazer aborto por decisão própria, sem contar como novos-velhos nomes: Aborrecentes, pré-adolescente, deixa pra lá! Tudo é normal: alienação, aborrecimento aos pais, rejeição a pais ditadores. Imaginem os costumes da época de nossos avós que tinham hora para sair e para chegar, nos dias de hoje daria até fuga na madrugada... Responder estupidamente daria direita a tapa na boca, ah, já ia esquecendo estamos no século XXI, isso seria uma agressão, o filho pode denunciar.

Moderno mesmo é pousar nua, fazer ensaios pornográficos. Chamam de arte, mas somente as maiores de 18 anos e belas por Photoshop têm talento, isso é uma profissão, acho que tem até plano de carreira. Mas como moda não é a minha praia, é melhor que o livre arbítrio permaneça.

Fazer debates televisivos, enquetes por diversos meios de comunicação abordando assuntos atuais e polêmicos, fazer celebridades chorarem na televisão, dá audiência e causam impactos nas pessoas. Mais tarde, assuntos ditos polêmicos, se transformam em um conceito até que virem apologias a alguma coisa.

Fazer apologias às drogas, as religiões e a pornografia é normal, vai passando despercebido em músicas que fazem sucesso, bem como em dramaturgias. E assim temos as afirmações: “Está difícil criar os nossos filhos”, dá mesma que outros dizem que vão seguir as tendências dos novos tempos.

Se o que chamamos hoje de
normal, passasse ser anormal, seria mais fácil criar os filhos? Neste caso, estaríamos reinventando a roda. Qual seria a reação dos filhos da modernidade se fossem criados como nossos avós?

Quando colocarmos a cabeças no travesseiro, abramos nossa mente para o que estão nos vendendo na mídia. O que se prega na mídia é edificante para os nossos filhos?
Uma briancaderia para quebrar o gelo... essa flor acima te lembra o que? isso é normal?

2 comentários:

sidnei disse...

Lena... não há como discordar de vc...
Acredito que a solução do problema está na educação que se dá aos filhos dentro de casa... ensinar aos filhos a diferenciar o bom do ruim e assim por diante!

Omar disse...

Lena, as coisas são assim mesmo, os nossos avós (p/ não ir mais longe), como vc mesma disse, eram muito reprimidos por seus pais, qdo eles tiveram filhos, pensaram: "ah, eu não vou ser como meu pai, eu vou ser mais liberal!"
Nossos pais passaram pelo mesmo, nós a mesma coisa, e é por isso q a cada geração a liberdade (ou libertinagem) aumenta!!!